Grita, diz, faz...
Conta-me 25 de Abril

Regulamento “Conta-me o 25 de abril”

Concurso de produções sonoras e de vídeo

ARTIGO 1.º

ENQUADRAMENTO

1. O concurso “Conta-me o 25 de abril” é uma iniciativa dinamizada pelo projeto “bYou: Estudo das vivências e expressões de crianças e jovens sobre os media”, financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (PTDC/COM-OUT/3004/2020), no âmbito da Campanha “Expressa-te” e do Mural bYou, e pelo MILObs: Observatório sobre Media, Informação e Literacia, ambos do Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho.

2. O concurso decorre entre 02 de janeiro e 31 de março de 2024.

ARTIGO 2.º

OBJETIVOS

1. São objetivos gerais deste concurso promover a expressão livre e criativa de crianças e jovens, através das tecnologias digitais e dos media, sobre a importância do 25 de abril em 1974 e no presente, bem como promover a sua literacia digital.

2. Esta iniciativa visa contribuir para a concretização dos Objetivos de desenvolvimento sustentável (ODS) estabelecidos pelas Nações Unidas (ONU), em particular o Objetivo 4: Educação de qualidade.

3. Visa igualmente contribuir para a promoção dos Direitos da Criança, estabelecidos pela Convenção sobre os Direitos da Criança da ONU, nomeadamente o direito à expressão e à participação, referido nos artigos 12.º, 13.º e 31.º.

ARTIGO 3.º

TEMA

1. O tema geral do concurso centra-se nos 50 anos da Revolução do 25 de Abril de 1974 e no significado desta efeméride no passado e no presente.

2. Pretende-se que as crianças e os jovens:
a) Contem o 25 de abril pelo que sabem, pelo que conhecem e pelo que ouviram e ouvem contar pelos media, pelos seus familiares e amigos;
b) Contem a importância deste acontecimento para o país e para as pessoas, antes e agora;
c) Pensem sobre a liberdade antes e depois do 25 de abril;
d) Contem o papel e a importância dos media na revolução;
e) Falem da conquista e do valor da democracia; 
f) Expressem-se sobre a importância dos media para as sociedades democráticas.

3. Os trabalhos podem basear-se nas experiências pessoais dos participantes, dos seus familiares, amigos, professores ou outras pessoas da comunidade, devendo evidenciar capacidade de reflexão e de problematização do tema. Podem incluir registos de cariz experimental e criativo.

4. As produções de vídeo podem assumir o género de documentário ou de ficção, nos formatos de imagem real e/ou animação. As produções sonoras podem ser de caráter narrativo e/ou expressivo, editadas e apresentadas no género ficcional, documental ou podcast.

ARTIGO 4.º

PARTICIPANTES/ CONCORRENTES

1. Podem candidatar-se crianças e jovens entre os 6 e os 18 anos de idade, de forma espontânea, a partir do seu contexto escolar ou de outro tipo de instituição educativa ou cultural.

2. As crianças e os jovens podem candidatar-se individualmente ou em grupo, num máximo de três elementos.

3. Não existe limite de trabalhos a apresentar por cada instituição, no entanto, cada criança e jovem só pode figurar como autor de um único trabalho.

ARTIGO 5.º

NATUREZA DOS TRABALHOS

1. As produções de vídeo devem respeitar as seguintes especificações:
a) Proporção da janela: 16:9;
b) Resolução: 720p ou 1080p;
c) Codec: h.264 (.mp4);
d) Duração máxima de 5 minutos;
e) Apresentação em língua portuguesa ou legendados em português e, se viável, incluir a interpretação em língua gestual;
f) Devem obrigatoriamente incluir, no final, uma ficha técnica com a seguinte informação: realização, participação, imagem, som/música, ano de produção, e outras informações consideradas pertinentes.

2. As produções sonoras devem respeitar as seguintes especificações:
a) Formato: mp3;
b) Compressão: mínimo de 192 bps;
c) Duração máxima de 5 minutos;
d) Apresentação em língua portuguesa;
e) Devem obrigatoriamente referir, no final, uma ficha técnica com a seguinte informação: realização, participação, imagem, som/música, ano de produção, e outras informações consideradas pertinentes.

3. Todas as produções devem respeitar as seguintes condições:
a) Devem ser originais e inéditas e não podem incluir qualquer tipo de elemento (música ou imagem) que viole os direitos de autor e direitos conexos;
b) Não devem ser usados quaisquer elementos (música ou imagens) publicados ou difundidos por outros meios sem a autorização expressa dos seus autores;
c) Deve ser atribuído um título a cada trabalho submetido a concurso;
d) Devem incluir, quando aplicável: identificação da instituição educativa ou cultural, nome do professor ou responsável que acompanhou a produção e outras informações consideradas pertinentes.

4. Não são aceites trabalhos em formato de apresentação animada (tipo Power Point ou equivalente) ou que recorram a plataformas e programas de animação automática com recursos gráficos pré desenhados e pré programados.

ARTIGO 6.º

SUBMISSÃO DOS TRABALHOS

1. Os trabalhos devem ser submetidos pelos participantes, individualmente, por um representante do grupo, por um encarregado de educação, por um professor ou responsável pela instituição educativa ou cultural, até ao dia 31 de março de 2024, usando o formulário disponível em: https://forms.gle/ZSfnGLP59J8RrBM98.

2. Todos os autores receberão por email uma confirmação da boa receção dos trabalhos.

ARTIGO 7.º

AUTORIA, PUBLICAÇÃO DOS TRABALHOS E CONSENTIMENTO

1. Os autores de cada vídeo responsabilizam-se pelo seu conteúdo e garantem que o mesmo é da sua autoria, salvaguardando que o trabalho, e a respetiva publicação, não infringem quaisquer direitos de autor ou direitos conexos.

2. A participação no concurso implica a aceitação da cedência dos direitos das produções de vídeo e sonoras ao Projeto bYou, que os poderá utilizar em publicações e meios de divulgação, renunciando o(s) autor(es) a qualquer contrapartida financeira ou de outra índole. O Projeto bYou compromete-se a mencionar o nome do(s) autor(es) dos trabalhos nas utilizações que deles venha a fazer.

3. Todos os trabalhos serão publicados no site e no canal de YouTube do projeto bYou, bem como no site e nas redes sociais do MILObs. Uma seleção dos trabalhos será também exibida numa exposição a realizar pelo projeto bYou aquando da realização da sua conferência final, prevista para o primeiro trimestre de 2025. No momento das publicações online e exibição física dos trabalhos, será dado um destaque especial aos premiados.

ARTIGO 8.º

JÚRI

1. A avaliação dos trabalhos é feita pelo júri do concurso, que decide as três primeiras posições de cada grupo.

2. O júri é constituído por três elementos da equipa do projeto bYou e por dois consultores do projeto.

ARTIGO 9.º

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

1. O júri apreciará as produções submetidas a concurso com base nos seguintes critérios:
a) Enquadramento na temática do concurso;
b) Criatividade e originalidade da abordagem ao tema;
c) Clareza e correção ao nível da expressão;
d) Qualidade técnica;
e) Valor estético.

2. Cada um destes critérios será avaliado numa escala de 0 a 10 pontos por cada elemento do júri. A pontuação final do trabalho resultará da média das pontuações de cada elemento do júri.

ARTIGO 10.º

PRÉMIOS

1. Para efeitos de avaliação, as submissões serão divididas em dois grupos:
a) Grupo 1: produções sonoras ou de vídeo da autoria de crianças dos 1.º e 2.º ciclos do ensino básico ou com idades compreendidas entre os 6 e os 12 anos;
b) Grupo 2: produções sonoras ou de vídeo da autoria de jovens do 3.º ciclo do ensino básico e do ensino secundário (cursos científico-humanísticos e cursos profissionais) ou com idades compreendidas entre os 13 e os 18 anos.

2. Os prémios serão entregues em Cartões Surpresa, disponibilizados por Sonae Sierra, entidade que apoia o concurso. Os cartões são utilizáveis em lojas aderentes ao programa Sierra Gift Card, lista disponível aqui, nos seguintes valores:

Grupo 1:
1.º Prémio: vouchers no valor de 120€
2.º Prémio: vouchers no valor de 90€
3.º Prémio: vouchers no valor de 60€

Grupo 2:
1.º Prémio: vouchers no valor de 120€
2.º Prémio: vouchers no valor de 90€
3.º Prémio: vouchers no valor de 60€

3. O júri pode deliberar a não atribuição de prémios em qualquer dos grupos, se considerar que não há trabalhos que cumpram os critérios definidos nos artigos 5.º e 9.º deste regulamento.

ARTIGO 11.º

DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS

1. A comunicação dos resultados do concurso será feita até ao dia 12 de abril de 2024, no site do bYou (https://www.byou.ics.uminho.pt/) e no site do MILObs (https://milobs.pt/). Serão igualmente contactados por email os três vencedores de cada grupo.

ARTIGO 12.º

DISPOSIÇÕES FINAIS

1. A participação neste concurso é gratuita e implica a aceitação integral do presente regulamento. Não são aceites a concurso os trabalhos que não estejam de acordo com o definido no mesmo.

2. Eventuais esclarecimentos devem ser solicitados através do email: byou@ics.uminho.pt.

3. Os casos omissos neste regulamento serão resolvidos pelo júri.

4. Das decisões do júri não cabe recurso.

Braga e Universidade do Minho, dezembro de 2023